Toxina Botulínica na Odontologia

Estudo de Caso: Tratamento de Assimetria Labial com Toxina Botulínica. Como o próprio nome já diz, um sorriso assimétrico é aquele onde a exposição dos dentes ao sorrir não é proporcional, ou seja, em uma linguagem mais direta, é quando um lábio abre mais de um lado que de outro, dando a sensação de “sorriso torto”. E esta sensação já intrigou muitos dentistas no passado, pois muitas vezes, ao final de um trabalho de reabilitação, os dentes estavam simétricos, mas havia esta impressão de sorriso torto, por conta da assimetria labial. A toxina botulínica (popularmente conhecida pelo nome comercial Botox) é uma boa solução para o problema, ao agir equilibrando a exposição dos dentes de quem possui assimetria labial, atr­avés do relaxamento da musculatura de um dos lados, dando harmonia e uniformidade ao sorriso. Como muitas pessoas já sabem, a toxina botulínica é largamente utilizada contra rugas, controlando a ação dos músculos na região da face, como os da testa por exemplo, que quando contraídos, formam as famosas rugas frontais entre as sobrancelhas. No Estudo de Caso de hoje, o paciente apresentava uma apresentava uma assimetria labial, onde seu lábio inferior no lado esquerdo (direito na imagem), abria-se mais que o direito (esquerdo da imagem). Controlando a ação do músculo depressor do lábio no lado esquerdo com a toxina botulínica, foi possível equilibrar a exposição dos dentes nos dois lados, tornando o sorriso simétrico e harmonioso de forma rápida e prática. Casos como este mostram a grande evolução que é o uso da toxina botulínica na odontologia, que permite ao dentista fazer ajustes extremamente sofisticados em seus trabalhos, contemplando não só os dentes, mas também os lábios e todo a região ao redor da boca. Essa nova ferramenta é uma forma do dentista trabalhar de fato em busca de um sorriso de bonito, não apenas dentes bonitos, afinal, o sorriso envolve toda a região da boca. #odonto #odontologia #odontología #odontologiaestetica #odontogram #odontolove #odontologo #odontology #antesedepois #beforeandafter #antesydespues #toxinabotulinica #botox #valorizaodonto #wow #dental #dentist #dentista #rosto #face #beauty #estetica

Um vídeo publicado por Clínica Adriano Abreu (@clinicaadrianoabreu) em

Toxina botulínica na odontologia!

Toxina botulínica na odontologia!

O uso da toxina botulínica para rejuvenescimento facial, seja na cirurgia plástica ou na dermatologia não é mais nenhuma novidade. Já na odontologia, ainda é algo muito novo e até surpreendente para muitas pessoas. A primeira impressão ao se ouvir algo sobre esta relação pode ser de estranhamento, e se você estiver se perguntando: “o que tem a ver a toxina botulínica com a odontologia?”, já vou logo dizendo: muito mais que você imagina!

 

Quando se fala em toxina botulínica, logo pensamos em estética, e de fato, a odontologia estética não só está diretamente relacionada, como está no primeiro plano dos avanços da ciência do sorriso, alcançados através dos procedimentos com a toxina. Porém, para a surpresa de muitos, os tratamentos odontológicos e a saúde bucal de forma geral também passaram por uma mudança expressiva, e a toxina botulínica representa uma verdadeira revolução para problemas sérios como hipertrofias (aumento de volume dos músculos), disfunção da ATM, dores orofaciais e bruxismo.

 

Falando de estética, é importante frisar que a visão do dentista vem mudando com os anos, e uma espécie de inquietude destes profissionais foi fonte de grande evolução para a odontologia estética, e o advento da toxina botulínica foi consequência disso. Os profissionais mais entusiastas, muitas vezes tinham um gosto amargo de que algo estava faltando em seus trabalhos, mesmo satisfeitos com os resultados nos dentes de seus pacientes, parecia que algo a mais poderia ser feito. Desde um sorriso gengival a uma assimetria labial, muitas vezes trabalhar nos dentes não parecia ser suficiente, e a toxina é a chave para este toque final, e veio para preencher muitas lacunas na odontologia estética.

 

Para que você tenha uma ideia de como todo este processo ocorreu, no ponto de partida desta evolução, os dentistas se preocupavam mais com a chamada estética branca, que enxergava apenas os dentes. Com o tempo, esta visão foi se ampliando e houve o surgimento da estética rosa, que trata da estética das gengivas. Ou seja, a visão foi se ampliando dos dentes para a gengiva, e qual seria o próximo passo e consequência natural do processo? Os lábios e a boca como um todo! E foi neste sentido, que a toxina botulínica veio para ficar e mudar a visão dos dentistas com relação aos seus trabalhos.

 

Na verdade, os dentistas estão habilitados a ter o terço inferior da face como área de trabalho, e como a odontologia estética têm o rejuvenescimento como um de seus pilares de sustentação, as rugas na região ao redor da boca também se tornaram alvos para combate. Por isso, não só a toxina botulínica, mas também o preenchimento facial com ácido hialurônico pode ser uma alternativa para suavizar rugas e rejuvenescer a face. Usando as duas técnicas, o dentista realiza o mesmo trabalho que cirurgiões plásticos e dermatologias, porém limitando-se apenas ao seu campo de atuação, o terço inferior da face, mas com uma grande vantagem: rejuvenescer a face pensando no sorriso como um todo, ou seria o contrário? Pensar no sorriso como um todo para rejuvenescer? Ambas as abordagens se complementam na verdade, mas esta visão ampla do conceito de “sorriso jovem”, vão muito além das rugas, e é isso que vamos conversar a seguir: as áreas de atuação da toxina botulínica na odontologia.

Toxina botulínica utilizada para corrigir sorriso gengival

Toxina botulínica utilizada para corrigir sorriso gengival

Como já conversamos anteriormente, a odontologia estética evolui de dentro para fora, progredindo à partir dos dentes, passando pela gengiva, lábios, até ampliar sua visão para todo o terço inferior do rosto, ou seja, a boca e suas regiões circundantes. O uso da toxina botulínica na odontologia estética pode ser considerado uma espécie de grande rito de passagem desta jornada. Princípios como simetria, proporção e harmonia ganharam novos ares, e de nada adiantaria aplicá-los aos dentes, ignorando-os com relação aos lábios por exemplo. Na prática, um caso do sorriso gengival por exemplo, pode ser que todo um trabalho de excelência nos dentes perca todo seu brilho por conta da assimetria labial, ou até o volume dos lábios pode prejudicar a beleza do sorriso em uma visão mais ampla. Em ambos casos, a toxina botulínica se tornou aquele acabamento que fez tanta falta para os dentistas mais exigentes com seus resultados, ou pelo menos, para os que adquiriram a visão ampla e sofisticada do sorriso jovem e belo, enxergando-o de uma ponta a outra da face.

tratamento-de-sorriso-gengival-com-toxina-botulinica

Como funciona a toxina botulínica na odontologia estética?

Sem maiores explanações técnicas, a toxina age inibindo a contração dos músculos, isso se dá por conta da ação da substância em bloquear a liberação da acetilcolina, um neurotransmissor responsável por esta contração.

 

Para que você entenda como isso funciona na prática, vamos voltar ao exemplo do sorriso gengival. O que faz com que a gengiva apareça mais que o necessário e tira a beleza do sorriso? Ora, a contração muscular, afinal, sorrir é uma contração muscular. E não é muito difícil imaginar que, controlando esta movimentação dos músculos, é possível com que uma menor contração, resulte numa menor exposição da gengiva. Pronto! Um incômodo e desagradável sorriso gengival está superado.

 

Áreas de atuação da toxina botulínica na odontologia estética:

 

– Sorriso assimétrico:

 

Sorriso assimétrico: Estudo de caso de tratamento de assimetria labial com toxina botulínica na odontologia.

Sorriso assimétrico: Estudo de caso de tratamento de assimetria labial com toxina botulínica na odontologia.

Como o próprio nome já diz, um sorriso assimétrico é aquele onde a exposição dos dentes ao sorrir não é proporcional, ou seja, em uma linguagem mais direta, é quando um lábio abre mais de um lado que de outro, dando a sensação de “sorriso torto”. A toxina botulínica é uma boa solução para o problema, ao agir equilibrando esta exposição, atr­avés do relaxamento da musculatura de um dos lados, dando harmonia e uniformidade ao sorriso.

– Volume dos lábios:

Quando se fala em sorriso bonito, um dos princípios mais básicos é o do volume dos lábios. É regra na odontologia estética que o lábio superior deve ser maior que o inferior, quando ocorre o contrário, a aparência do sorriso é altamente prejudicada. Para aplicação deste princípio, a toxina botulínica se apresenta uma ótima opção neste sentido.

 

 

 

 

– Altura do sorriso

 

Este é exatamente o caso do nosso exemplo do sorriso gengival. Porém a altura do sorriso não se resume apenas ao sorriso gengival, quando a altura é desproporcional no lábio superior. Este mesmo fenômeno pode ocorrer ao contrário, fazendo o efeito contrário. Mais uma vez, a toxina botulínica pode devolver a harmonia do sorriso.

 

– Suavização do rosto em mulheres

 

Diretamente ligada ao tratamento da Disfunção da ATM que veremos mais a frente, esta aplicação estética é consequência do relaxamento do músculo masseter, na altura das bochechas. O que acontece é que ao manter-se relaxado, este músculo não deixa o rosto marcado por sua contração, o que é muito interessante para as mulheres, pois suaviza o rosto. Já para os homens, que buscam uma aparência mais viril, suavizar o rosto traria o efeito contrário, mas antes que se pense que a toxina botulínica deixa a aparência do rosto dos homens mais feminina, é importante alertar que é possível tratar a Disfunção da ATM com toxina botulínica, sem que haja este efeito colateral indesejável para os homens.

 

– Atenuação de rugas do rosto

 

Entre todas as possíveis aplicações da toxina botulínica, deixamos por último a mais conhecida: o combate as rugas. Os benefícios desta substância para o rejuvenescimento facial já são bem conhecidos, mas é importante lembrar quais são os tipos de rugas que podem ser atenuadas com a toxina botulínica: as rugas dinâmicas.

Toxina botulínica utilizada em rugas entre as sobrancelhas

Toxina botulínica utilizada em rugas entre as sobrancelhas

 

Estas rugas surgem com a contração dos músculos ligados à pele, e a sua tensão constante vai provocando o enrugamento da região. E por serem resultantes desta tensão muscular, as rugas dinâmicas são tratadas com a toxina botulínica, que age no controle deste tensionamento, evitando que o acúmulo de pele por cima dos músculos formem as rugas.

 

O outro tipo de envelhecimento da face, é o ocasionado pelas chamadas rugas estáticas, que são sulcos na pele, e suas causas são o envelhecimento natural da pele, muitas vezes agravado pela exposição ao sol, fumo, má alimentação e falta de hidratação da pele. Para o tratamento das rugas dinâmicas, a toxina botulínica sai de cena e cede espaço ao preenchimento facial com ácido hialurônico.

 

– Por que escolher um dentista para um tratamento de Rejuvenescimento Facial?

 

Certamente, este questionamento é praticamente unânime entre as pessoas que descobrem que o cirurgião dentista é habilitado para o tratamento com toxina botulínica e preenchimento facial. Na medicina, apenas dermatologistas e cirurgiões plásticos possuem permissão para administrar estas substâncias em tratamentos de rejuvenescimento. Odontologia, cirurgia plástica e odontologia são áreas distintas e escolha entre elas depende de sua necessidade, ou melhor, não existe opção melhor ou pior entre elas, e sim uma visão ou conceito que se encaixa melhor com sua situação.

 

Para que você entenda melhor o conceito da odontologia, recomendo que leia nosso texto sobre Sorriso Velho X Sorriso Jovem, nele explico em detalhes como o sorriso pode rejuvenescer ou envelhecer seu rosto. O conceito de sorriso jovem é bem amplo, e não cabe neste texto que já está bem extenso, porém, basta que você entenda que a filosofia por trás do conceito do belo e do jovem na odontologia, enfoca o rosto em conjunto com o sorriso, de forma que você tenha um rosto com aparência jovem, mas também que seu sorriso seja de uma pessoa jovem.

 

Se esta visão técnica ainda não lhe convenceu, vamos ao lado prático da coisa. De que adiantaria você ter um rosto rejuvenescido, se nos momentos de alegria e felicidade você não pode sorrir a vontade? Portanto, se você quer um rosto jovem, e um sorriso rejuvenescedor, estamos diante do maior motivo para escolher um dentista para seu tratamento de rejuvenescimento facial!

 

 

 

Dentista em Fortaleza