Os primeiros dentinhos dos bebês

O crescimento de uma criança é recheado de alegrias, mas também de preocupações, e os pais volta e meia passam por momentos de ansiedade com relação a saúde e o bem estar de seus filhos, e inevitavelmente, os dentes e a saúde bucal dos bebês se voltam para o centro das atenções.

Os primeiros dentinhos dos bebês e seu nascimento são uma espécie de rito de passagem para uma nova fase do desenvolvimento da criança, porém, é importante deixar claro que os cuidados com os dentinhos já começam antes mesmo de surgimento, e ainda mais, a boa saúde bucal da criança deve começar a ser valorizada ainda na gravidez, pois vários fatores como a alimentação da mamãe são determinantes.

Antes de conversarmos sobre o nascimento dos primeiros dentinhos, é indispensável falar sobre a higiene bucal do bebê, que como já foi dito, merece atenção antes mesmo do surgimento dos dentes. A gengiva do bebê deve ser higienizada ainda durante a alimentação líquida do paciente com leite materno, de forma bem simples: com uma gaze macia, ou uma fraldinha de tecido com água filtrada. Assim evita-se o acúmulo de bactérias na mucosa, e quando os primeiros dentinhos começarem a eclodir, encontram uma gengiva saudável, perfeita para o desenvolvimento dos dentinhos.

– O nascimento dos dentinhos

Período de muita irritação para os bebês, e preocupação para os pais, o período de nascimento dos primeiros dentinhos pode ser um pouco doloroso, e é muito comum que o bebê chore e fique bastante irritada, afinal, o desconforto é bastante acentuado, com coceira e irritações na gengiva.

Uma boa dica para diminuir o desconforto do seu bebê, é colocar o mordedor na geladeira, pois por estar gelado, o mordedor além de diminuir a coceira, traz um alívio para a irritação. Ainda com relação a coceira nas gengivas, um alerta importante: atenção redobrada com seu bebê, pois com o desconforto durante o processo de erupção do dente, há uma tendência maior para que ele insira objetos na boca, buscando alívio, e em situações o risco de contaminações e até de engolir objetos se torna ainda maior.

– Quando nascem os primeiros dentinhos?

Em média, os primeiros dentinhos começam a nascer nos primeiros seis meses de vida do bebê, e este período pode variar muito para mais ou para menos. É importante também que os pais observem a ordem da erupção dos dentes, que começam pelos dentes incisivos centrais inferiores, seguindo para os superiores nestes primeiros seis meses de vida.

A sequência dos dentinhos de leite das crianças é, em média, a seguinte:

– incisivos centrais superiores (6 meses);

– incisivos laterais inferiores (11 meses);

– incisivos laterais superiores (1 ano e 2 meses);

– em seguida caninos e molares.

– Os dentes do meu filho não estão nascendo, e agora?

Antes de tudo, é importante reforçar que estes períodos variam bastante de caso a caso, e o organismo de cada criança possui seu próprio tempo, porém, é preciso estar alerta aos primeiros sinais de que os dentes estão nascendo, que são a coceira, alterações e irritações na gengiva, aumento da salivação e irritabilidade do bebê.

Se depois dos períodos normais e mesmo com estes sinais, os dentes não começarem a aparecer é preciso estar alerta e procurar o dentista, de preferência especializado em odontopediatria, para fazer o diagnóstico do que está acontecendo, e a apresentar soluções.

Existem causas diversas para a não erupção dos dentes, porém a mais comum dentre elas, é de solução simples. Na maioria das vezes, os dentes não estão nascendo por conta da textura, que por estar fibrosa acaba impedindo que o dente saia. A solução passa por um procedimento chamado Ulotomia, que é extremamente simples e rápido, consistindo numa pequena incisão para remover a mucosa que impede a erupção.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Dentista em Fortaleza